Educar para Crescer
busca

Educar para crescer

FAMÍLIA

Jair Rodrigues: um pai e avô nota 10

Acompanhar o desempenho escolar, as tarefas de casa e principalmente dar o bom exemplo: essas foram algumas das dicas do cantor


08/05/2014 12:53
Texto Jeanne Margareth
Educar
Foto: Divulgação
Foto: Jair Rodrigues
"O estudo é a grande herança que um pai pode deixar para seu filho"

Apontado sem qualquer exagero, como símbolo da "Deixa que digam que pensem que falem...", o cantor Jair Rodrigues mobilizou gerações há décadas e não se intimidou com qualquer assunto. Defensor ferrenho da música popular brasileira, construiu ao longo dos anos uma carreira sólida e revelou: "Sou um homem que vive em paz, mas sempre na luta, na linha de frente da batalha.".

Nascido em Igarapava, interior de São Paulo, começou a cantar na década de 50. O sucesso só chegou em 1962 com o primeiro disco em (78rpm). Casado com Clodine Rodrigues foi um pai e avô apaixonado, do tipo que fala das netas e filhos como seu maior tesouro. Ao lado da filha e cantora Luciana Mello, mãe de Nina, e do filho, produtor e cantor Jair de Oliveira, pai de Isabela, não raras vezes, conversou sobre a educação e futuro das pequenas. Dono de uma simpatia a toda prova nos contou em detalhes, em entrevista concedida em 2010, momentos dos tempos de escola, filhos e netos. Veja a íntegra abaixo.

Para ler, clique nos itens abaixo:
O sucesso é possível em qualquer situação?
Jair Rodrigues: Sem dúvida! Desde que você não faça nada para interrompê-lo. Melhor do que construir uma carreira é mantê-la sempre viva. Em nome do meu ofício sou pau para qualquer obra, estou sempre pronto para o trabalho.
O que tira o seu sorriso?
Jair Rodrigues: Falsidade em todos os sentidos. Detesto gente que não sabe fazer a hora e só espera acontecer.
Você estudou até que série?
Jair Rodrigues: Fiz o colégio, mas logo depois fui trabalhar até hoje tenho saudade do tempo de escola.
Qual era o nome de sua escola?
Jair Rodrigues: Grupo Escolar Nova Europa
Tem lembrança desta época?
Jair Rodrigues: Qual a mais forte? Bem... Essa é fácil, a lembrança mais forte é da turma e da professora, da dedicação que ela tinha conosco.
Como definiria os estudos que recebeu?
Jair Rodrigues: : Diria que tudo que aprendi foi sensacional, por estes estudos estou lendo e escrevendo até hoje com 70 anos.
Lembra-se de qual professor em particular e porque?
Jair Rodrigues: Há...lembro da Da, Alice Funfas Kifoure, ela era considerada uma das melhores professoras do Brasil, me ensinou muito e sempre teve muito carinho e respeito por nós, era amiga da minha mãe.
Julga o ensino de hoje muito diferente daquele que conheceu ao freqüentar os bancos escolares?
Jair Rodrigues: Com certeza, o ensino do passado era mais rígido, ou você aprendia ou aprendia, não tinha essa moleza de hoje.
Em sua opinião o que falta a educação escolar de nosso país?
Jair Rodrigues: Escolas apropriadas e equipadas, melhor formação dos professores, mais professores capacitados, mais disciplina com os alunos, incentivo à leitura, melhor salário para os professores.
Você foi um bom aluno?
Jair Rodrigues: Fui um dos melhores alunos da minha escola. Desde pequeno sempre fui muito dedicado ao que me proponho fazer, acho que sem dedicação e vontade nada se consegue.
Nos dê 5 dicas importantes para você ao escolher a escola de seus filhos?
Jair Rodrigues: Conhecer bem o estabelecimento, conhecer os professores, verificar a segurança do local, conhecer o plano de aula da escola, conversar com os pais dos outros alunos e saber a reputação da escola.
Lembra do primeiro livro que lhe chamou a atenção, ou mudou sua opinião sobre algo? Qual foi?
Jair Rodrigues: Lembro de um livro que me chamou muito atenção, a Bíblia, naquele tempo lia-se muito nas aulas, me chamava muito atenção também os livros sobre historia do Brasil.
Quais os livros que indicou a seus filhos para despertar o gosto pela leitura? Faria o mesmo com os netos?
Jair Rodrigues: Eu não indiquei nenhum livro em especial, eles sempre foram muitos dedicados e interessados pela leitura, mas sempre incentivei a estudar. Para isso não existe barreira ou dificuldade. O estudo é a grande herança que um pai pode deixar para seu filho.
Acredita que estudar depende de cada criança ou deve e pode ter ajuda dos pais?
Jair Rodrigues: Com certeza a ajuda dos pais é muito importante, orientar e incentivar a criança a experimentar o doce gosto da leitura e aprendizado é uma das primeiras regras de ser verdadeiramente pai.
Acredita que incentivar as artes como parte do currículo escolar é um bom caminho?
Jair Rodrigues: Acredito que seja um ótimo caminho, é muito importante, as artes estarem como parte do nosso dia a dia, da nossa historia, e da formação profissional.
Nos dê 3 dicas do que um pai deve fazer para que seu filho se interesse pelo estudo?
Jair Rodrigues: O pai tem que observar qual a dificuldade do filho, o porquê ele não esta interessado pelos estudos. É necessário muito diálogo e acompanhar o desempenho escolar, as tarefas de casa e principalmente dar o bom exemplo.
Por que os professores hoje são tão desvalorizados em sua opinião?
Jair Rodrigues: Não acho que sejam tão desvalorizados, são de suma importância para o futuro da nação e temos consciência disto, acontece que o governo poderia e deveria incentivar mais, dando melhores condições de trabalho e capacitação para que lecionem com satisfação.
A idade te assusta?
Jair Rodrigues: De jeito nenhum, mas me preocupo em pensar que a qualquer momento, eu posso querer fazer alguma coisa e não ter saúde para conseguir. Pois com saúde você tem disposição e consegue tudo.
Você aceitaria lecionar nos dias de hoje? Se a resposta for sim, qual a matéria?
Jair Rodrigues: Aceitaria com prazer desde que a matéria fosse música ou aulas de canto.
O que pode e deve ser motivo de orgulho a uma nação quando o assunto é a educação escolar?
Jair Rodrigues: Orgulho de uma nação se tratando de educação escolar é ver crianças na escola, futuros profissionais bem sucedidos, cultos.

 

amigos do educar

 


lição de casa

Crianças que fazem a lição de casa diariamente aprendem mais, têm notas melhores e se tornam mais seguras. Faça a sua parte!



depoimentos

Marina Silva, Martha Medeiros, Nelson Motta e outras personalidades brasileiras revelam o impacto de uma boa Educação no futuro



recomendamos

EDUCAÇÃO INFANTIL
Como contribuir com essa importante fase de formação da criança

ENSINO FUNDAMENTAL 1
Como acompanhar os primeiros passos da vida escolar de seu filho

ENSINO MÉDIO
Dicas para pais e alunos enfrentarem esta fase de novos desafios

mais lidos

ALFABETIZAÇÃO
11 dicas para ajudar na alfabetização de seu filho

TECNOLOGIA
52 sites que ensinam e divertem a criançada