Educar para Crescer
busca

Educar para crescer

APRENDIZAGEM

Roberta Pimentel: "Não tem ninguém que não aprenda. Todos aprendem, porém, de maneiras diferentes".

Para a educadora, o ensino e a aprendizagem devem ser discutidos por pais e professores


29/08/2012 17:05
Texto Manoela Meyer
Educar
Foto: Pedro/Studio Ímpar
Foto:
"Estudar com a minha mãe na infância me ajudou a construir esse prazer que tenho em ensinar".

Até hoje, o apoio e o estímulo que recebeu dos pais são a motivação de Roberta Pimentel para lutar pela melhora da educação no Brasil. Roberta foi a vencedora da ação do Dia da Educação no Facebook, do Educar para Crescer.

"O que meus pais fizeram por mim sempre procurei fazer com meus alunos e hoje faço com meus pacientes e com pais e professores ao meu redor: dar o incentivo", conta a psicopedagoga.

Roberta atua na Educação há 17 anos, cursou pedagogia, se especializou em psicopedagogia, fez mestrado em educação, na área de formação de professores, e está atualmente cursando novamente uma pós, desta vez em neuroeducação.

Toda a sua experiência foi colocada em prática com o nascimento do seu blog, o Aprendizagem Humana, há seis meses. "No blog, terei que executar muito do que aprendi com meus pais".

Confira a conversa que tivemos com a Roberta sobre seu blog e sua atuação com pais e professores.

Para ler, clique nos itens abaixo:
Como surgiu seu interesse no Educar para Crescer?
Roberta Pimentel: Vi no Facebook que vocês são muito ativos e tem um trabalho muito sério. Como sou envolvida na área, quando vi a promoção, me veio na cabeça a minha história. Então, me senti estimulada em contar minha trajetória para pessoas que trabalham seriamente com o assunto.
Quando começou o seu interesse pelo processo de "aprendizagem"?
Roberta Pimentel: Durante os estágios que fiz no magistério, observei muitas diferenças no processo de aprendizagem de cada um. Então, quis trabalhar na psicopedagogia essas diferenças no aprender. Não tem ninguém que não aprenda. Todos aprendem, porém, de maneiras diferentes.
Por que você decidiu criar o blog "Aprendizagem Humana"?
Roberta Pimentel: Desde o final do ano passado comecei a pensar no blog, que estreou este ano. Minha atuação é na formação de professores. Ainda temos muito o que desenvolver nessa área. Temos muitas iniciativas na evolução das técnicas pedagógicas, mas há pouca formação para o professor para lidar com tudo isso. Ainda não se pensa o suficiente em como ensinar. O blog tenta instigar isso, para que entre nós, professores, possamos refletir sobre nossa prática pedagógica. Também vou às escolas pessoalmente, falar sobre os assuntos que trato no blog.
Além dos professores, o blog tem conteúdos para as famílias?
Roberta Pimentel: As mães foram um público inesperado para o blog. Isso porque a escola passou por muitas transformações, mas a família ainda não participa tanto quanto poderia. Os pais têm muitas dúvidas de como lidar com as demandas escolares.

Eu coloco no blog, a pedido das mães, dicas sobre os filhos e sobre os pais. O "Café Família" também surgiu a pedido das mães. É um encontro mensal que organizo para sair do ambiente virtual e trocar ideias sobre educação com as famílias.
Em quais outras atividades mais você está envolvida?
Roberta Pimentel: Eu tenho um quadro na TV Mato Grosso, "Educação com Roberta Pimentel", que vai ao ar ao vivo, toda segunda. Ano passado fui convidada para falar de temas pontuais, mas no final do ano, recebi o convite para fazer o quadro porque o alcance é grande, as pessoas se interessam pelo tema educação. No quadro, tento falar tanto para os pais e como para os professores.
Qual foi o papel dos seus pais nesse seu caminho pela educação?
Roberta Pimentel: Eu não digo que eles me influenciaram diretamente para qual curso eu faria. Minha mãe foi aquela presença diária no decorrer da minha vida escolar, sentava do lado, lia comigo, desenhava exemplos, era uma professora nata, tanto que, depois dos filhos adultos, ela cursou Pedagogia, fez especializações e hoje atua na área também. Isso me ajudou a construir esse prazer em aprender e acredito que, por isso, tenho prazer em ensinar.

Meu pai foi uma peça chave, cumpriu o papel de me desafiar sempre, de me fazer ir além. Ele me estimulou a fazer o melhor que eu pudesse, e lutar pelo país. Os ensinamentos dele me fazem sempre querer mais, não parar nunca.

A participação deles na minha vida resultou na alegria, orgulho e felicidade que tenho hoje de ter conseguido me formar e trabalhar no que realmente faz parte de mim.
Como você enxerga a educação no país?
Roberta Pimentel: Eu sempre preciso sair um pouco da minha região. Em São Paulo, há uma seriedade maior com formação. Aqui ainda sinto falta dessa cultura, é necessária uma oferta maior de complementação de formação.

 

amigos do educar

 


lição de casa

Crianças que fazem a lição de casa diariamente aprendem mais, têm notas melhores e se tornam mais seguras. Faça a sua parte!



depoimentos

Marina Silva, Martha Medeiros, Nelson Motta e outras personalidades brasileiras revelam o impacto de uma boa Educação no futuro



recomendamos

EDUCAÇÃO INFANTIL
Como contribuir com essa importante fase de formação da criança

ENSINO FUNDAMENTAL 1
Como acompanhar os primeiros passos da vida escolar de seu filho

ENSINO MÉDIO
Dicas para pais e alunos enfrentarem esta fase de novos desafios

mais lidos

ALFABETIZAÇÃO
11 dicas para ajudar na alfabetização de seu filho

TECNOLOGIA
52 sites que ensinam e divertem a criançada