Educar para Crescer
busca

Educar para crescer

LITERATURA

18 dicas de leitura para quem gosta de levar sustos

Uma seleção de histórias cheia de terror, suspense e mistério para aterrorizar até o mais valente dos leitores


08/04/2013 16:03
Texto Bruna Nicolielo
Educar
Foto: Marcella Briotto
Foto: Uma lista de livros que vão fazer você se arrepiar!
Uma lista de livros que vão fazer você se arrepiar!

Vampiros, fantasmas, casas mal-assombradas e pactos com o Coisa-Ruim. O universo das histórias de terror causa calafrios, mas é cativante. Pudera! Quando as primeiras páginas de um livro enunciam "foi numa noite de tempestade, à meia-noite", por exemplo, o leitor é desafiado a mergulhar em um mundo secreto e misterioso. "Obras do gênero atraem porque nos permitem viver, com segurança, experiências que não gostaríamos de ter na vida real", diz o escritor Braulio Tavares, estudioso da literatura fantástica. Mas por que, afinal, alguém gostaria de ter experiências desse tipo? Na Antiguidade, o filósofo grego Aristóteles (384-322 a.C.) já tentava responder esse aparente paradoxo. Ele dizia que buscamos o medo da ficção para experimentar, depois, o alívio de saber que estamos a salvo na vida real.

1808 Especial Dicas de Livros
Centenas de dicas de todos os gêneros literários, para você e sua família!

 

O interesse por narrativas que fazem um bom uso desse sentimento ancestral vem de longa data. "A emoção mais antiga e mais forte da humanidade é o medo, e o mais antigo e mais forte de todos os medos é o medo do desconhecido", escreveu o escritor norte-americano H. P. Lovecraft (1890-1937) no livro O Horror Sobrenatural na Literatura (Ed. Iluminuras). O conto de terror começou a fazer sucesso durante a Revolução Industrial, no século XIX. Escritores como a britânica Mary Shelley (1797-1851), autora de Frankenstein, criaram narrativas que questionavam a mentalidade de sua época, em que dominava a crença quase cega na ciência e no progresso técnico.

Desde então, os principais autores de terror souberam captar as tensões e os medos de sua época, produzindo textos que refletem o contexto histórico em que vivem. Assim, mudaram os temas, os espaços e até o nível de violência tolerado. "A boa literatura é justamente aquela que identifica esses pavores, trazendo-os de modo realista ou alegórico para o terreno da ficção", diz Júlio França, professor de Teoria da Literatura da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (Uerj) e coordenador do Grupo de Estudos sobre o Medo como Prazer Estético, da mesma instituição.

Educação emocional

A leitura de narrativas de terror fortalece nossas emoções. Quem lê obras assim convive bem com o medo e aprende a controlá-lo melhor. "Nos livros, temos a consciência da vulnerabilidade da vida, dos perigos à espreita. Isso pode ajudar a encarar as diversas facetas da vida", diz a escritora Heloisa Prieto, ela própria autora de mais 20 obras do gênero e uma fã assumida das narrativas assustadoras.

Não há uma idade considerada adequada para iniciar a leitura de obras do gênero. Afinal, temas recorrentes desse universo, como a morte, a dor e a perda, devem estar presentes no processo de formação dos jovens. Apesar disso, algumas obras exigem leitores um pouco mais maduros, que sejam capazes, por exemplo, de distinguir a realidade da ficção. "Os mais novos devem ser poupados de narrativas com violência física e mental", diz Tavares. Histórias de bruxas amáveis e monstrinhos divertidos ajudam a fazem a transição para narrativas que mostram personagens realmente malignas e ameaçadoras. No mais, vale o mesmo de qualquer gênero literário: é preciso respeitar as escolhas do adolescente, evitando a censura de livros considerados assustadores ou agressivos demais. "Quando um adulto faz isso, priva o jovem de uma elaboração sobre a necessidade de atenção plena e cautela", diz Heloisa.

A seguir, você confere indicações de histórias de arrepiar os cabelos, todas voltadas para adolescentes. A seleção foi realizada com a ajuda dos especialistas citados na reportagem e contempla de clássicos universais à obra de novos autores, de narrativas fantasmagóricas a lendas urbanas e históricas, de ficção cientifica a enredos com psicopatas e serial-killers.

Obs: preços foram pesquisados entre 03/01 a 23/01/2013

Para ler, clique nos itens abaixo:
1. Contos de Fantasmas

O escritor inglês Daniel Defoe (1660-1731), autor também de As Aventuras de Robinson Crusoé (Ed. L& PM Editores) acreditava piamente na reencarnação. Essa crença motivou este volume, baseado em entrevistas e relatos conhecidos. O livro é dividido em duas partes: Fantasmas Falsos e Aventuras Divertidas, com contos fictícios sobre o mesmo tema e Histórias Verdadeiras de Fantasmas (que o autor jura serem mesmo fiéis à realidade). Narrativas arrepiantes, como A Aparição da Senhora Veal e O Fantasma em Todos os Cômodos, são verdadeiras, segundo Defoe.

Contos de Fantasmas, Daniel Defoe, 128 págs., Ed. L&PM Editores, tel. (51) 3225-5777, 14 reais
2. Drácula

A partir de lendas do Leste Europeu e de um personagem real (um príncipe conhecido por ter torturado e matado cerca de 40 mil pessoas), o irlandês Bram Stoker (1847-1912) criou uma das mais conhecidas narrativas de terror do mundo. Num castelo isolado na Transilvânia, Romênia, um jovem é mantido em cativeiro. Longe dali, na Inglaterra, sua bela noiva é vítima de uma terrível e desconhecida doença, que extrai sangue de seu corpo. O algoz de ambos é o Conde Drácula, um vampiro cruel e sanguinário.

Drácula, Bram Stoker, 450 págs., Ed. Martin Claret, tel. (11) 3673 -7146, 22,90 reais
3. Frankenstein

Na obra da britânica Mary Shelley (1797-1851), Victor Frankenstein é um estudante de Ciências Naturais que constrói em seu laboratório um monstro de aparência terrível, produzido a partir de pedaços de cadáveres. A criatura foge ao controle do seu criador, aterrorizando o pobre homem e seus familiares, e conduz o leitor numa narrativa de forte tensão psicológica.

Frankenstein, Mary Shelley, 256 págs., Ed. L&PM Editores, tel. (51) 3225-5777, 17 reais
4. O Médico e o Monstro

Robert Louis Stevenson (1850-1894) - autor de clássicos como A Ilha do Tesouro - dá vida à Dr. Henry Jekyll, um respeitável médico. Usando uma poção, Jekyll se transforma num sujeito perigoso chamado Hyde, sob cuja personalidade comete uma série de crimes. Durante algum tempo, é capaz de retomar a personalidade original, mas a melhor parte de sua personalidade se enfraquece gradualmente até que a poção que lhe permite voltar a ser um homem bondoso falha. Por fim, ele se envenena quando está prestes a ser desmascarado.

O Médico e o Monstro, Robert Louis Stevenson, 112 págs., Ed. L&PM Editores, tel. (51) 3225-5777, 13 reais
5. A Tumba e Outras Histórias

Compilação de narrativas do norte-americano H. P. Lovecraft (1890-1937), um dos ícones do gênero. O conto que dá nome ao volume é um aterrorizante relato sobre um jovem que encontra um túmulo abandonado e passa a visitá-lo periodicamente. Outra história, Entre as paredes de Eryx, traz uma eletrizante ficção científica que se passa em Vênus. Todas as narrativas são repletas de elementos folclóricos, sobrenaturais e religiosos, marcas que caracterizam a obra de Lovecraft.

A Tumba e Outras Histórias, H.P. Lovercraft, 216 págs., Ed. L&PM Editores, tel. (51) 3225-5777, 16 reais
6. O Corvo

Edgar Allan Poe (1809-1849) dominava como poucos as técnicas narrativas cujo efeito são criar medo. Seu poema mais conhecido, que já ganhou versões de Fernando Pessoa (1888-1935) e Machado de Assis (1839-1908), contém os elementos que o transformaram em uma referência no gênero. Tarde da noite, um homem recebe a visita de um pássaro assustador. Seria apenas uma ave ou o fantasma de sua amada, Lenora? Ótima opção para uma primeira aproximação com o autor.

O Corvo, Edgar Allan Poe, 71 págs., Ed. Melhoramentos, tel. (11) 3277-7999, 33 reais
7. Contos de Terror e Mistério

Edição bilíngue com quatro contos de Edgar Allan Poe (A Caixa Retangular, O Último Pulo do Sapo, O Gato Preto e Os Crimes da Rua Morgue). A tradução faz adaptações e atualiza algumas expressões - os textos foram escritos no século XIX -- mas preserva o ritmo e a qualidade literária próprias do autor.

Contos de Terror e Mistério, Edgar Allan Poe, tradução e adaptação de Telma Guimarães, 108 págs., Ed. do Brasil, 0800 770 1055, 30,70 reais
8. Abarat

Candy Quackenbush deixa sua cidade natal para conhecer o arquipélago de Abarat, um arquipélago povoado por estranhas criaturas. Lá, desperta o interesse de Cristóvão Carniça, que tenta capturá-la. A jovem, então, embarca numa jornada turbulenta, que revela estranhos segredos sobre a vida e sobre ela própria. O autor da obra, Clive Baker, é um escritor e dramaturgo inglês que se tornou conhecido a partir da década de 1980 por livros repletos de violência e fartas doses de sangue.

Abarat, Clive Baker, 440 págs, Ed. Cia das Letras, tel. (11) 3707-3500,76 reais
9. O Iluminado

O pequeno Danny Torrance é capaz de ouvir pensamentos e prever o futuro, entre outras façanhas. Seu pai, o desemprego e alcóolatra Jack, aceita trabalhar como zelador do hotel Overlook e a família se muda para o local. Mas o local não é exatamente um idílico resort nas montanhas. E os poderes de Danny serão fundamentais para livrar essa família da maldição que assola o estabelecimento. Narrativa eletrizante e cheia de suspense, que catapultou o norte-americano Stephen King para a fama e virou filme na década de 1980.

O Iluminado, Stephen King, 264 págs., Ed. Objetiva, tel. (21) 2199-7824, 49,90 reais
10. Sombras da Noite

Alguns dos mais inquietantes contos de Stephen King estão reunidos neste volume, entre eles O Homem do Cortador de Grama, Às Vezes Eles Voltam e A Máquina de Passar Roupa. São relatos de acontecimentos extraordinários e bizarros, que ocorrem em cenários acima de qualquer suspeita, como um colégio, uma lanchonete de rodoviária ou uma lavanderia.

Sombras da Noite, Stephen King, 416 págs., Ed. Objetiva, tel. (21) 2199-7824, 52,90 reais
11. Sandman

Mesclando mitologia e um enredo sombrio, Sandman foi um marco no mundo das histórias em quadrinhos. Tanto que, na década de 1990, ganhou vários prêmios Will Eisner - o Oscar da categoria. A série conta a história de Morfeus, o senhor do Mundo dos Sonhos, a terra para onde vamos quando dormimos. Além disso, ele controla os sonhos da humanidade. Até que é capturado por uma ordem mística, deixando o Mundo dos Sonhos abandonado - e os sonhadores, totalmente desamparados.

Sandman, Neil Gaiman, 616 págs., Ed. Panini, 116 reais
12. 13 Contos de Medo e Arrepios

Os 13 contos do livro mesclam características da atualidade a elementos típicos de tradicionais histórias de horror. Os personagens das narrativas, por exemplo, vivem em áreas urbanizadas e padecem de problemas do mundo moderno, mas são assombrados por fantasmas. Isso produz contos interessantes, como A Noiva Suicida. Ele narra as desventuras de uma mulher que, tempos depois de ser abandonada na igreja, morre ao cair de um prédio e passa a assustar noivos fujões. Em O Sofá, moradores de uma favela ganham um móvel que traz terríveis pesadelos a todos. Destaque para os poemas selecionados de Augusto dos Anjos (1884-1914), que abrem todas as histórias e acrescentam uma atmosfera de mais terror ao texto.

13 Contos de Medos e Arrepios, Almir Correia, 88 págs., Ed. Noovha. América, tel. (11) 3675-5488, 39 reais
13. Contos de Horror; Histórias Para (Não) Ler a Noite

O volume reúne histórias arrepiantes de autores consagrados, como Poe, do inglês Charles Dickens (1812-1870) e o escocês Arthur Conan Doyle (1859-1930), entre outros. Notas explicativas em cada texto dão informações sobre o contexto histórico e cultural de cada época.

Contos de Horror; Histórias Para (Não) Ler a Noite, Martha Argel e Rosana Rios (org.), 112 págs., Ed. Farol Literário, (11) 3932-5222, 28 reais
14. Contos Clássicos de Vampiro

É alucinado pelo universo da série Crepúsculo? Então é provável que você goste desta antologia, que reúne clássicos textos sobre vampiros e seu universo de estacas e alho. Obras do alemão Johann Wolfgang von Goethe (1749-1832) e do inglês Lord Byron (1788-1824), por exemplo, compõem o volume.

Contos Clássicos de Vampiro, Bruno Costa (org.), 266 págs., Ed. Hedra, 18,70 reais
15. Os Melhores Contos de Medo, Horror e Morte

Antologia dividida em duas partes. A primeira - Medo, Susto e Horror - contém clássicos de Edgar Allan Poe e Bram Stoker. Já a segunda - Medo, Clima e Cotidiano - mescla histórias em que o menos aparece de maneira menos tradicional, com textos do francês Gustave Flaubert (1821-1880) e do brasileiro Machado de Assis (1908-1939).

Os Melhores Contos de Medo, Horror e Morte, Flávio Moreira da Costa (org.), 552 págs., Ed. Nova Fronteira, 32,90 reais
16. Contos Macabros - 13 Histórias Sinistras da Literatura Brasileira

Reúne histórias que circularam originalmente em jornais e folhetins de forte apelo popular, escritas por grandes nomes da literatura nacional, como Machado de Assis, Lima Barreto (1881-1922) e Álvares de Azevedo (1831-1852). Os textos, ordenados cronologicamente, assombram o leitor com enredos envolvendo fantasmas, pessoas em seu leito de morte e torturas.

Contos Macabros - 13 Histórias Sinistras da Literatura Brasileira, Lainister de Oliveira Esteves (org.). 256 págs., Ed. Escrita Fina, (21) 3833-5817, 32 reais
17. Páginas de Sombra - Contos Fantásticos Brasileiros

Carlos Drummond de Andrade (1920-1987), Murilo Rubião (1916-1991), Heloisa Seixas, Lygia Fagundes Telles e Orígenes Lessa (1903-1986), entre outros, estão nesta coletânea, que traz uma seleção de 16 histórias fantásticas escritas por mestres da literatura brasileira. No conto Flor, Telefone e Moça, por exemplo, Drummond mistura almas penadas e tecnologia. Já o texto A Gargalhada, de Orígenes Lessa, relata a história da risada sinistra e irônica que assola uma cidade. Cada conto é antecedido por uma explicação sobre o autor e seu contexto.

Páginas de Sombra: Contos Fantásticos Brasileiros, Braulio Tavares, 168 págs., Ed. Casa da Palavra, (21) 2224-7461, 30 reais
18. A Loira do Banheiro e Outras Histórias

A história da loira do banheiro é um dos 19 contos dessa coletânea, que reúne ainda outras lendas urbanas, mitos e narrativas curtas. Um bloco da antologia - Medos Inquietantes - têm relatos instigantes que discutem a morte, a perda, a violência e medo, reais ou imaginários.

A Loira do Banheiro e Outras Histórias, Heloisa Prieto, 120 págs., Ed. Ática, tel. 4003-3061, 31,90 reais

 

amigos do educar

 


lição de casa

Crianças que fazem a lição de casa diariamente aprendem mais, têm notas melhores e se tornam mais seguras. Faça a sua parte!



depoimentos

Marina Silva, Martha Medeiros, Nelson Motta e outras personalidades brasileiras revelam o impacto de uma boa Educação no futuro



recomendamos

EDUCAÇÃO INFANTIL
Como contribuir com essa importante fase de formação da criança

ENSINO FUNDAMENTAL 1
Como acompanhar os primeiros passos da vida escolar de seu filho

ENSINO MÉDIO
Dicas para pais e alunos enfrentarem esta fase de novos desafios

mais lidos

ALFABETIZAÇÃO
11 dicas para ajudar na alfabetização de seu filho

TECNOLOGIA
52 sites que ensinam e divertem a criançada